Aguarde, carregando...

Aprenda a fazer relacionamento e mantenha a integridade do seu banco de dados

Aprenda a fazer relacionamento e mantenha a integridade do seu banco de dados
Por:
Dia 17/04/2018 10h11

Com apenas um passo bastante simples, você consegue criar um gatilho para que você não tenha mais furo de informações

Fala a verdade, você já tentou fazer um JOIN (obviamente que entre duas tabelas) e não funcionou porque os registros não estavam na tabela "mais baixa", não é?

Aquele exemplo clássico, você tem a tabela de usuários e tickets... Daí você vai juntar os registros e vê que não funciona e quando vai investigar, se dá conta de que o usuário que seria dono de determinados tickets não existe mais!

Daí para não ficar com registro sobrando na base, você vai lá e deleta esses tickets sem relacionamento e com isso acaba perdendo uma fatia da base de estudo que você levou anos para acumular.

E porque você não resolve esse problema de forma bastante simples? Apenas um passo! Apenas uma palavra reservada! E pronto! Você já não irá mais sofrer com isso :)

Salve salve moqueridos, bora estudar sobre relacionamentos?

Nessa aula eu vou mostrar para você como é bastante simples você não sofrer mais com esse tipo de problema e garantir a integridade das suas informações.

Uma informação bem importante, quando você for fazer os testes provavelmente vai funcionar e terá o mesmo comportamento que tive aqui no meu localhost... Mas quando for aplicar isso no seu banco de dados, você pode ter problemas ao aplicar.

Caso você tenha registros que não se relacionam, você não vai conseguir criar essa restrição! Portanto, para que você possa criar isso com sucesso, previamente você deve fazer uma verificação no seu banco e ver se não há nenhuma violação dessa restrição que você está planejando criar.

Além disso, travar o seu banco de dados dessa forma, o ideal é que você tenha o devido tratamento acontecendo dentro do seu sistema também. Isso é para auxiliar na integridade das suas informações, mas cada camada da sua aplicação deve estar coerente com tais regras.

No final da aula você vai ver que a gente vai tropeçar num outro problema! Depois do banco com as restrições, você também vai notar que não dá certo tentar deletar um registro da tabela mais baixa, e na próxima aula eu vou mostrar para você como automatizar esse processo também.

O procedimento é simples tanto quanto o que fizemos nessa aula, mas temos algumas opções que podemos optar pela melhor escolha...

Então se você quiser saber como funciona esse processo, quais são as tais opções, se increve na nossa lista VIP para receber o conteúdo pelo e-mail. Para se inscrever é só acessar esse link!

Não se esqueça também de se inscrever no nosso canal do YouTube e ative as notificações!

Forte abraço :)

Veja também:

Confira mais artigos relacionados e obtenha ainda mais dicas de controle para suas contas.